terça-feira, 3 de abril de 2012

Desaprender a gostar torna-se difícil quando ainda não aprendemos tudo o que o gostar de um amar nos pode oferecer. Desaprender a gostar é difícil quando ainda nem se chegou a amar. Quando ainda não se arrancaram os sorrisos todos, as mãos dadas que o amor sempre dá, as esperanças e os sonhos que tantas vezes se constroem à deriva dele. Desaprender a gostar de quem se ama às vezes é pior que a saudade. Porque quando se gosta, aprende-se a amar... E no amor nunca nada foi vivido completamente, nunca alguma coisa foi feliz o suficiente, nunca um abraço ou o sorriso de uma pessoa foram os que chegue para nos alimentar a alma que nos consome e o fogo que nos arde... Desaprender a gostar, quando se ama, é mais complicado do que dizer adeus para sempre. Quando se ama, já se gostou muito. E nada é o suficiente quando somos de alguém...

4 comentários:

  1. Sempre tão lindo *.*

    "Desaprender a gostar é difícil quando ainda nem se chegou a amar." que verdade Marianinha

    ResponderEliminar
  2. o reflexo daquilo que senti...
    gostei mesmo de ler isto, fez-me bem. as tuas palavras fazem sempre bem.

    ResponderEliminar
  3. Decidi mudar de residência, fica aqui o link no caso de me quereres acompanhar. Um beijo, leah.
    http://soupequenamaschegoaoteucoracao.blogspot.pt/

    ResponderEliminar