segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Algures por alguém

“Vem se quiseres, vem quando quiseres, vem sejas como fores, vem faças o que fizeres. Estou aqui para te receber. Existirei para ti. Derramarei tudo o que há de bom em mim sobre ti, para te construir”.

1 comentário:

  1. tão bom ler isto neste momento. e como poderia ter sido eu a escreve-lo. um beijinho no coração**

    ResponderEliminar