sexta-feira, 3 de abril de 2015

Cuido do teu amor. Todos os momentos da minha vida desde que mo pedis-te em silêncio. Cuido de ti... Em tudo o que sou. Desde que partiste do mundo real e me levanto sem beijar a tua bochecha. Desde que o silêncio se apoderou da tua voz. Desde que vivo sem ti num mundo cheio de tudo o que és. Cuido do teu amor como se ainda estivesses aqui: porque estás. Porque mesmo sem a tua sombra a percorrer os corredores de casa continuas, todos os dias, sentada nos teus lugares. Continuas, sempre que consigo viver um bocadinho mais, a deixar a nossa casa cheia de alegria. Continuas porque ninguém te esquece. Porque é impossível esquecer a mulher das nossas vidas. A razão pela qual continuamos a lutar. A força para tal. Cuido do teu amor (como penso que todos cuidam), em recompensa de teres cuidado tão bem do meu todos os anos em que pude viver de mão dada contigo. Sou feliz porque estou em paz. Porque apesar de haver momentos em que me desfaço por não conseguir tocar em ti sei que cada passo que dou é cada passo que dás. Onde quer que estejas, seja lá porque te levaram tão cedo, continuas a ser o ânimo com que vivo a minha vida e o porquê de escalar montanhas para que ela siga em frente cada vez que sou atropelada por uma avalanche. Cuido do teu amor... Porque só assim sei cuidar de mim. Porque só assim sei seguir em frente. Porque só assim consigo segurar o barco que, às vezes, todos teimam em afundar (e sabes bem o quão fundo querem ir...). Levo-te comigo a vida toda, não fosses tu tudo o que sou. Cuido-te, cuidando de mim. Um beijinho daqueles que só o infinito conseguiria alcançar. Até já, meu maior amor.

4 comentários:

  1. Quando alguém nos é importante nem mesmo o facto de estarmos em mundos diferentes nos impede de amarmos em igual medida como se estivéssemos juntos :)

    ResponderEliminar
  2. Talvez, talvez. Sabes sempre como atenuar a minha saudade. Obrigada, minha querida <3

    ResponderEliminar