quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Ângulos de mim


Querer-te. Da mesma maneira de tantas maneiras diferentes. Ainda sei escrever para ti. Ainda me corres na alma quando me deito no sonho que é viver sobre a tua pele. Ainda me abraças da mesma forma. Ainda sei que somos de tantas formas. Amor. Quero-te. Da mesma maneira com que abrigas as crateras dos meus desejos. Como sentes o vento que sopra quando grito mais alto. Querer-te. Da mesma forma e maneira de tantos ângulos. De tantas versões. De ti. De mim. Do que somos quando pertencemos ao mesmo mundo. Querer-te. Quando o sol espreita e quando as nuvens retornam. Quando os cobertores que me correm sabem às ondas que o teu cheiro forma. Amor. Nunca deixaste de ser o meu amor. Acho que nunca saberei ser sem o ser. Acho que nunca saberei encontrar-me doutra forma. Que nunca saberei perder-me com tanto clamor e aventura. Ainda escrevo para ti... Flor. Que me regas e que cresces. Que me alentas e que respiras. Que me proteges e te salvas. Oxalá o mundo fosse todo assim feito de amor. Oxalá toda a gente soubesse o que é viver assim. Sem limite. Sem barreira. Com um fogo que renasce sempre que no silêncio me queres da mesma maneira que o meu beijo te deseja. Amor. Todos os dias te quero. Na minha cama. Nos meus livros. No meu abraço. No meu cheiro. No meu caminho. Todos os dias quero ser um bocadinho da semente que todos os dias te cobre. Todos os dias me sinto tua. No significado enorme que o meu coração encontra para isso. Caminho contigo. Sei que será impossível caminhar sozinha. Amar alguém que nos rega tão facilmente é voar de coração bem aberto. Ser feliz sem precisar de percorrer oceanos. Ainda te escrevo. Ainda te amo. Ainda sei e guardo o que é ser feliz ao lado de alguém. Flor que todos os dias renasces na alma de tudo o que encarrego ao mundo...

8 comentários:

  1. Querer e amar alguém quando, provavelmente, não é suposto é muito mau, mas tem sempre o seu lado bonito...
    Gostei do que escreveste!

    ResponderEliminar
  2. Continuaremos a querer e a recordar cada detalhe enquanto for amor.
    Que saudades que eu tinha de te ler *.*

    Um grande beijinhos*

    ResponderEliminar
  3. woow, maravilhoso. Que texto fantástico!

    ResponderEliminar
  4. Awww que bom o que escreves. Como te posso seguir?

    ResponderEliminar
  5. Maravilhoso, já tinha saudades de te ler :')

    ResponderEliminar
  6. *.* *.* *.* 'Oxalá o mundo fosse todo feito de amor'... Palavras que atravessam o coração! nf

    ResponderEliminar

Até Já

A minha foto
Amor, saudade, dor, ausência, paixão...