segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Aqueles que nos levam ao peito


Falar das saudades que vivem no nosso dia a dia. De como fazer para ultrapassar quando quem passa por nós nos lembra quem ficou no passado. Revestido de saudade. De amor. De amizade. Falar das saudades que o destino invoca. Daquelas que ficam a morar nos nossos corações para sempre. Agrafadas a qualquer pedaço de vida que temos. A minha saudade por ti. O meu maior amor transformado. De todas as formas. Nunca te perdes no que sou. Nunca te deixarei fugir. Falar da vontade de morrer com a morte de alguém. Da incapacidade de medir a loucura que a falta de alguém sacia nos poros que vivem no nosso corpo. Da força que o coração possui para sobrevivermos a tantas quedas. A tantas memórias. A tantos pedaços de vida que deviam ter sido vividos mas não foram. Ao teu lado. Falar da morte que leva quem amamos. Da morte que esgana o nó que nos dá o prazer de respirar. De mão dada com alguém. De abraço bem dado com a memória de alguém nos nossos braços. Falar das vozes que ainda ouvimos. Daqueles que partiram com o nosso amor ao peito. Dos sonhos que ficaram para se concretizar nos sonhos. Dos passeios que ficamos de dar. Daqueles que ainda hoje faço contigo desde que te perdi. Amar alguém depois da morte. Amar alguém tanto que perdure eternamente. Falar de quem nos deu a vida. De quem nos criou e amparou todas as quedas que pensamos não ter dado. Falar de ti. Da saudade que me invade sempre que me invades. Sempre que desejo viver contigo outra vez. E mais outra. Sem perdão. Sem esquecer alguns minutos. Da saudade que me perfura o peito e me esmaga a alma por te voltar a querer aqui.
Falar das saudades que vivem no nosso dia a dia. Falar das vozes que ainda ouvimos. Daqueles que partiram com o nosso amor ao peito...

10 comentários:

  1. Nunca será fácil falar da saudade que fica de quem nos é tanto!

    r: Passado na faculdade, para começar a ganhar vontade de ir ahahah

    ResponderEliminar
  2. A saudade magoa, mas faz parte da vida, lindo texto.

    ResponderEliminar
  3. A saudade faz-nos sentir sem chão mas, infelizmente tenho que aprender a viver com ela. Um bonito texto.

    ResponderEliminar
  4. a saudade doí mas também nos faz perceber que um dia fomos muito felizes!
    R: obrigada :))

    ResponderEliminar
  5. A saudade é algo que ninguém gosta, mas também algo com que temos de lidar durante a vida inteira. Umas ficam, outras saem da nossa vida, outras desaparecem do mundo... Enfim, escreves muito bem, adorei o texto!
    Beijinhos xx

    Saturn's Mermaid

    ResponderEliminar
  6. Emocionei-me bastante ao ler este texto, porque neste momento o que vive no meu coração é a palavra SAUDADE !

    ResponderEliminar
  7. Há saudades que se ultrapassam e outras eternas. A vida é complicada.

    R.: Sim, tens razão, a fotografia é mesmo no Gerês.

    ResponderEliminar
  8. Apesar da saudade, houve algo maior que prevaleceu e que vai prevalecer sempre ate ao fim dos tempos... O amor por quem te faz ter tanta saudade estampado nos teus olhos!!! Enquanto houver esse amor, esse brilho, é como se caminhassem juntas lado a lado e de mão dada! love u, nf

    ResponderEliminar
  9. Amar é um sentimento tão bonito,gostei imenso do teu texto,escreveste com bastante sentimento,muitos parabéns!!

    ResponderEliminar

Até Já

A minha foto
Amor, saudade, dor, ausência, paixão...